Como desossar frango inteiro

Frango assado é o típico prato de domingo, pelo menos sempre foi para a minha família. Era um frango assado e a macarronada da minha avó que faziam a alegria da criançada nos almoços de domingo. Todos em volta a mesa, um converseiro alto, a criançada correndo em volta da mesa e disputando a coxa do frango , essa é uma lembrança viva na minha memória.

Confesso, entretanto, que sempre achei chata a história de cortar o frango na hora de servir especialmente pelo monte de ossos. Daí que um dia eu resolvi fazer o frango de domingo desossado e recheado e quem disse que eu encontrei para comprar o tal frango inteiro desossado!

 Minha inquietação foi tamanha pelo tal do frango inteiro desossado e assado que eu resolvi: “Vou eu mesma desossar frango!!!“. Pesquisei na internet, vi alguns vídeos e eu fiz!! Gostei tanto que repeti muitas vezes e me dei conta que eu nunca mostrei aqui no blog para vocês (como muitas coisas que eu faço em casa – prometo me redimir)!

Confesso: em um primeiro momento a ideia de desossar frango pode parecer uma tarefa extremamente complicada, mas eu garanto para você: não é (tanto assim)! Com alguns macetes e um pouquinho de prática, em menos de 15 minutos você tem um frango inteiro desossado pronto para usar. Você pode simplesmente assar ele, ou ainda rechear e assar ou temperar e fazer na churrasqueira, fica divino.

O que eu sempre faço é aproveitar as promoções e compro o frango, desosso e deixo congelado pronto para ser usado. Com certeza se você abrir o meu freezer vai encontrar: pelo menos um frango desossado, sobrecoxas desossadas e almondega e hambuguer prontos. Sempre.

Lembra que eu mostrei para vocês como desossar coxa e sobrecoxa? Muita gente testou e se surpreendeu como é fácil. E agora é a hora de tentar revolucionar a sua vida para desossar o tal frango inteiro!

APERTE O PLAY E ASSISTA.

Se você fizer em casa me conta o que achou ou me marca nas redes sociais com a hashtag #VinoTemperandoBlog que eu vou adorar saber!

NÃO PERCA NENHUMA DAS RECEITAS DO TEMPERANDO:
YOUTUBE  /  FACEBOOK  /  INSTAGRAM  /  GOOGLE+  / PINTEREST  /  TWITTER
VEJA MAIS RECEITAS AQUI

COMO DESOSSAR UM FRANGO INTEIRO. Aprenda em um vídeo simples como desossar um frango inteiro. #temperandoblog #receitaemvideo

 

8 Comentários
  1. Olá! Me desculpe mas o que você fez não é um frango desossado, o frango está destruído! Sugiro que compre um peito de frango e coxa com sobrecoxa que vai dar na mesma porém sem esse desperdício.

    Se o título é “como desossar frango inteiro” ele deveria ficar INTEIRO no final, ou o mais próximo disso.

    Desculpe a minha crítica, ok?

    1. Olá Tati,
      Bem, essa é a técnica que você vai encontrar de dessossar um frango inteiro em qualquer escola de gastronomia do mundo. Aliás foi assim que eu aprendi e como elogios do chef instrutor.

      Consigo sim ver um frango inteiro (que fica preso pela pele), mas sem os ossos. Não um frango destruído como você diz.

      Não é a mesma coisa comprar coxa e sobrecoxa e peito separado, você por exemplo não conseguiria fazer um Galantine, que é o frango inteiro sem os ossos, recheado. Se você calcular custo de um frango inteiro e o quanto paga pelas partes em separado, também vai ver que sai mais em conta.

      E quanto ao despedício, se você reparar bem no vídeo vai ver que os ossos saem quase sem carne nenhuma, e todos os ossos e carcaça eu uso para fazer caldo caseiro. Ou seja, desperdício zero.

      Espero que tenha conseguido te explicar, mas fico a disposição.

  2. Entendi sim. Parabéns pelas suas graduações cursos e elogios, mas continuo vendo um frango destruído. É engraçado como as pessoas recorrem imediamente as suas formações para se defender quando são criticadas. Sobre o desperdício, estou certa de que deu pra entender o que eu disse, é claro que sei que os cortes serão usados! Comprar peito e coxa com sobrecoxa foi apenas um comentário ironizando o que restou do frango inteiro. E não, não vejo um frango inteiro (preso pela pele) vejo partes de um frango preso pela pele.
    Enfim, minha intenção não foi polemizar ou criticar gratuitamente. Vamos deixar esse meio frango “pra lá” …

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.